Publicado por: cjabruno | janeiro 4, 2011

Tudo que eu quero de natal…

                                                                          

O natal já passou… 2011 já chegou, mas e você já acordou?

Bom, eu não!

Não sei se foi a viagem do final do ano, se é a preguiça mesmo ou se tudo junto misturado, mas eu ainda estou fora do ar. Embebido em reflexões que são clichês, mas recorrentes no final do ano e também atordoado com aquele sentimento meio solitário, apesar da multidão, que o final do ano traz, talvez fruto de filmes românticos e músicas dramáticas enfim…

O ano foi bom, não posso reclamar, afinal comecei tomando um intervalo sabático que foi interrompido de forma pensada e desejada. Agora estou trabalhando, morando em SP e começando toda uma nova etapa que em 2011 vai me permitir concluir se eu quero isso ou se eu quero a mochila nas costas.

Acho que esse ano foi importante não apenas pelas escolhas, mas pelo aprendizado nem sempre fácil numa área que eu claramente tenho meus problemas: Relacionamento.

Abrange tudo, o relacionamento comigo mesmo, que eu aprendi e reaprendi muito, mas também o relacionamento com o mundo.

Não eu não namorei ninguém, isso ainda não mudou, mas mudou bastante a forma de encarar isso. E através da minha relação com minha família e amigos eu fui capaz de identificar certos aspectos que me mostraram que estar solteiro talvez ou muito provavelmente tenha sido uma escolha permanente minha, apesar de eu sonhar tanto em namorar.

É estranho perceber que você se poda de algo que quer por não se sentir preparado dessa forma eu acabo depositando no outro qualquer responsabilidade ou sei-lá culpa de não funcionar ou de não acontecer…

Claro que a culpa não é só minha o mundo ai fora não é cheio de bons partidos e nem todo mundo que a gente quer vai nos querer, mas enfim será que estamos realmente prontos para receber o que queremos?

 Não sei se estou pronto, mas to ai aprendendo, vivendo, investindo, tentando, me surpreendendo, talvez eu perceba se estou ou não pronto, talvez apenas aconteça assim sem esperar, não sei…

O que eu sei é que tudo que eu quero de natal e ano novo é que meus olhos estejam abertos, que não me falte paixão, nem brilho no olhar, que sobrem risadas e momentos de perder o fôlego, saúde, trabalho e viagem… Sozinho ou acompanhado.

Porque só está sozinho aquele quem se sente assim e enfim auto-ajuda a parte nada como um dia após o outro.  Tudo é aprendizado, todos são mestres e o amor sempre pode acontecer.

Anúncios

Responses

  1. Oiii! Eu amo o seu texto, sinto na pele tudo o que você escreve.

    Posso dizer que está me fazendo sonhar.

    Feliz Ano Novo!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: